Ouvidoria da Câmara

Você está em:

Inicial / Notícias

Notícias

PIB do agronegócio cresce 1,9% em sete meses no país, diz CNA

A produção agropecuária aumentou 4,23% no período avaliado. Em julho o segmento primário do agronegócio cresceu.

O Produto Interno Bruto (PIB) do agronegócio brasileiro cresceu 1,90% no acumulado de janeiro a julho deste ano, na comparação com igual período do ano passado, disse nesta quarta-feira (15) a Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA). O levantamento elaborado com o Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea), da Esalq/USP, mostra que a pecuária cresceu 4,88% de janeiro a julho deste ano, frente aos resultados apresentados nos primeiros sete meses de 2013, apontou a entidade.   "O melhor desempenho ocorreu no segmento 'dentro da porteira', ou seja, da produção agropecuária, que aumentou 4,23% entre janeiro e julho de 2014. Na agricultura, os melhores resultados foram obtidos em culturas como as da banana ( 38,8%), cacau ( 50,57%), laranja ( 46,03%) e algodão ( 30,65%), entre outras. Banana, cacau, laranja, soja e uva apresentaram crescimento tanto nos preços quanto na produção. Já em relação ao trigo, algodão e mandioca, a produção cresceu mesmo com os preços em patamares inferiores àqueles praticados em 2013", pontuou a CNA em comunicado.   De acordo com a Confederação, quando avaliados os insumos agropecuários, "o setor apresentou crescimento de 1,78% nos primeiros sete meses de 2014, com destaque para a pecuária que acumulou expansão de 2,91% no período".   A entidade mostrou ainda que em julho o segmento primário do agronegócio cresceu 0,53% e 4,23% em sete meses, na comparação com o mesmo período do ano passado, complementa, em nota.   Distribuição Conforme a análise, já no segmento de distribuição, comércio e transporte teve crescimento de 1,56% de janeiro a julho de 2014. A distribuição de produtos de origem vegetal destoou dos demais ao apresentar queda de 0,8% no mês de julho e estabilidade no decorrer do ano, pontuou a CNA.   "O único segmento do agronegócio que apresentou queda de crescimento no período do levantamento foi o da agroindústria. A retração de 0,02% deu-se principalmente em razão das indústrias de processamento vegetal, que apresentaram redução na atividade desde o mês de abril. Já a distribuição na área da pecuária cresceu 0,53% em julho e 5,19% nos primeiros sete meses de 2014", concluiu.  

24

16

Predomínio de Sol

Acompanhe a Rádio da Camara

16, de Março de 2020

Sessão Ordinária 16/03/2020 |


Palavra do
Presidente



Minha saudação população Amperense que mais uma vez confiou em mim essa tarefa de representa-los como vereador, e me sinto feliz por estar presidente desta casa de leis juntamente com os demais membros dessa da Mesa Diretora para o biênio 2021/2022. Temos a plena convicção que faremos o possível para desempenhar a altura esta função perante a sociedade Amperense.

Essa casa vive um momento ímpar na sua trajetória, pois contamos hoje com um debate mais consistente, dinâmico, e, isso engrandece nossos trabalhos e melhoram os ânimos e entendimentos sobre as questões amplas de nosso povo. Esperamos ansiosamente que essa casa possa evoluir muito mais nesses anos da legislatura atual, pois é isso o que o povo de Ampére espera. Não uma evolução apenas de discursos, mais também de práticas efetivas que possam de fato se transformar em benefícios para nossa população.

É notório na atualidade a difícil tarefa que o Poder Legislativo possui, e, cabe a nós divulgar para o povo nossa verdadeira missão que é a de fiscalizar, debater, discutir e criar leis, ou seja, legislar para aqueles e com foco principal naqueles que nos garantiram essa prerrogativa. Afinal o poder emana do povo e para o povo deve retornar. Munidos desse pensamento, devemos legislar para o atendimento das necessidades de nosso povo e para a melhoria e crescimento de nossa cidade. Somos vereadores do povo; de todos, sem distinção de raça, credo, partido ou classe social.

Sei que é difícil a tarefa incumbida a nós nesses dois anos, mais tenho certeza que juntos podemos fazer diferente. Vivemos em nosso país um momento histórico que mostra isso, e, nós podemos sim fazer diferente e, esse diferente precisa ser realizado da melhor forma que pudermos e com a qualidade que é exigida. A minha ânsia e luta em ver essas transformações se concretizarem.

No sentido da vivencia política, cito o pensador libanês (Gibran Khalil Gibran) quando diz “Aprendi o silencio com os faladores, a tolerância com os intolerantes, a bondade com os maldosos; e, por estranho que pareça, sou grato a esses professores”.

É de honestidade, transparência e união que precisamos para fazer sempre o nosso melhor para a sociedade. Vamos à luta! Que Deus nos abençoe. Um grande abraços a todos.

 

Att,

Vereador Irio Barbieri

 

— Irio Barbieri
Presidente da Câmara Municipal de Ampére